Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Doria mantém regras de isolamento no Estado até 16 de dezembro
18/11/2020 10:33 em Notícias do Brasil

O governo de São Paulo prorrogou o isolamento no Estado até 16 de dezembro. A medida, publicada nesta terça-feira, 17, no Diário Oficial, foi anunciada ontem pelo governador do Estado, João Doria (PSDB). Na prática, o decreto apenas renova uma determinação feita pela gestão estadual no início da pandemia de coronavírusÉ 14ª vez que o isolamento é prorrogado no Estado.

Algumas cidades esperavam passar para a fase verde, quando há liberação para o funcionamento de todos os estabelecimentos comerciais e de serviços, ainda que com restrições de público e horário. Mas Doria, no entanto, mudou o script e decidiu adiar a revisão do Plano São Paulo para 30 de novembro — um dia depois da votação do segundo turno das eleições municipais de 2020.

Jean Gorinchteyn, secretário estadual de Saúde, alega que a mudança aconteceu em função de uma pane no sistema do Ministério da Saúde e do aumento no número de internações na última semana. Contudo, a secretária de Desenvolvimento Econômico do Estado, Patrícia Ellen, informou que a medida acontece por cautela extrema, uma vez que o volume de internações diárias por 100 mil habitantes está pelo menos 25% abaixo do limite da fase menos restritiva do plano de isolamento.

“Desde meados de outubro, estamos verificando [número de] internações abaixo de 30 por 100 mil habitantes, e o patamar para termos estabilidade na fase verde é de 40 internações”, disse. “Estamos numa fase controlada mas sendo extremamente cautelosos porque registramos, sim, esse aumento de 18% com os dados da última semana.”

Os dados federais sofreram um apagão entre 6 e 10 de novembro. Por cinco dias, o arquivo do governo federal não inseriu um único registro de morte ou nova confirmação da doença no Estado. As autoridades estaduais, entretanto, fizeram uma contagem própria e verificaram um aumento de 18% na média diária de internações quando a semana 45 (1º a 7 de novembro) é comparada com a 46 (8 a 14 de novembro) — a variação foi de 859 para 1009.

O gráfico apresentado pelo governo estadual mostra, porém, que o salto é pontual. Na semana 44, por exemplo, aparecem 983 internações diárias, uma diferença de menos de 3% com o período mais atual. Outro ponto: na primeira semana de outubro, consta a internação de um número maior de pacientes por dia: 1.216.

Doria no segundo turno das eleições municipais

O PSDB do governador João Doria tem candidatos no segundo turno das eleições de 2020 em sete cidades paulistas. Em seis delas, incluindo a capital, os candidatos da legenda tentam a reeleição. Confira:

  • Mogi das Cruzes (SP): Marcus Melo (PSDB) contra Caio Cunha (Podemos)
  • Piracicaba (SP): Barjas Negri (PSDB) contra Luciano Almeida (DEM)
  • Praia Grande (SP): Raquel Chini (PSDB) contra Danilo Morgado (PSL)
  • Ribeirão Preto (SP): Duarte Nogueira (PSDB) contra Suely Vilela (PSB)
  • São Paulo (SP): Bruno Covas (PSDB) contra Guilherme Boulos (Psol)
  • São Vicente (SP): Solange Freitas (PSDB) contra Kayo Amado (Podemos)
  • Taboão da Serra (SP): Engenheiro Daniel (PSDB) contra Aprigio (Podemos)

Fonte: revistaoeste.com

COMENTÁRIOS